Cidades

Em sessão solene, prefeita, vice-prefeito e vereadores são empossados

Após posse, Vinicius Bussi foi eleito presidente da Câmara Municipal para o biênio 2021/2022.

Por: Da Redação atualizado: 5 de janeiro de 2021 | 11h36
O presidente da Câmara, Vinicius Bussi (em primeiro plano) e a prefeitura empossada, Tatiana Guilhermino, na tribuna da Câmara (Reprodução). O presidente da Câmara, Vinicius Bussi (em primeiro plano) e a prefeitura empossada, Tatiana Guilhermino, na tribuna da Câmara (Reprodução).

O vereador mais votado nas eleições de 2020, Fagner Vinicius Bussi da Silva, presidiu a sessão solene de posse da prefeita, vice-prefeito e vereadores, em Lucélia. A sessão ocorreu no plenário da Câmara Municipal, iniciada às 10h, tendo como cerimonialista convidado o radialista Maurilei Aparecido Pinto.

Em razão da pandemia da Covid-19 e pela decisão do Governo de SP que colocou o estado na fase vermelha do Plano SP nesta sexta-feira, sábado (2) e domingo (3), de restrição máxima, a solenidade foi restrita aos eleitos, funcionários da Câmara e imprensa. O público pôde acompanhar a partir das transmissões em vídeo pela Câmara Municipal e pela emissora Alta Paulista FM (Antena 1).

Execução do Hino Nacional  (Reprodução).

Andamento da cerimônia de posse  (Reprodução).

Após a composição da mesa diretora e constatação do quórum, foi executado o hino nacional brasileiro e o hino de Lucélia. Em seguida, foi iniciado o rito formal de posse da 17ª Legislatura. Foram empossados, inicialmente, os novos vereadores. Em seguida foi conduzida a posse da nova prefeita Tatiana Guilhermino Tazinazzio Coelho Costa (PV) e do vice-prefeito Marcos Lima (PV).

Os novos empossados declararam da própria voz o compromisso público, e em seguida assinaram o termo de posse.

Uso da palavra

Em uma etapa seguinte o protocolo possibilitou o uso da palavra pelas bancadas, feita por um representante dos partidos políticos que agora integram a nova legislatura. Depois, fizeram uso da palavra representantes de instituições religiosas inscritos. O primeiro a falar foi pastor Dirceu Miranda, que já foi vereador na cidade.

Em seguida, foi concedida a palavra ao padre Adriano dos Santos Andrade, pároco da Igreja Matriz da Sagrada Família de Lucélia.

Discurso do pastor Dirceu Miranda  (Reprodução).

Padre Adriano, na Tribuna da Câmara  (Reprodução).

Depois, falaram o vice-prefeito empossado, Marcos Lima, a prefeita empossada, Tatiana Guilhermino, e o vereador que presidiu a sessão solene de posse, Vinicius Bussi, que declarou encerrada essa fase, sendo reaberta cerca de 30 minutos depois.

Prefeita faz transmissão do cargo no Paço Municipal

Após a posse, na Câmara, a nova prefeita Tatiana Guilhermino e o vice Marcos Lima se dirigiram ao Paço Municipal, para a transmissão do cargo, quando foram assinados os livros oficiais, recebidas as informações bancárias, contábeis, financeiras, senhas, e as chaves das repartições públicas municipais.

Tatiana Guilhermino em seu gabinete, acompanhada do vice Marcos Lima (Reprodução).

Em seguida, a nova prefeita se dirigiu ao seu gabinete, acompanhada do vice-prefeito.

Eleição da Mesa Diretora

Depois de concluída a transmissão do cargo, no Paço Municipal, foi reaberta a sessão solene, na Câmara Municipal, e iniciado o processo de votação para eleição da sua mesa diretora para o biênio 2021/2022.

Após a votação, o vereador Vinicius Bussi foi eleito presidente da Câmara.

A nova mesa diretora ficou com a seguinte composição:

Presidente: Fagner Vinicius Bussi da Silva

1º Vice-presidente: Maurilei Gonçalves de Farias “Galo”

2º Vice-presidente: William Viana da Silva

1º secretário: André José da Silva “Baraka”

2º secretário: Cristiano Aparecido Marques

Nova formação da Câmara

Alessandra Rocha Nonato - PL (1,66%): 152 votos (eleito)

Altair Lopes Maciel - PV (1,51%): 138 votos (eleito)

André José da Silva “Baraka” - PSDB (2,44%): 223 votos (eleito)

Antônio Carlos Rios - PSD (2,83%): 258 votos (reeleito)

Aparecido Pereira da Silva “Padeirinho” - PTB (3,96%): 362 votos (reeleito)

Cristiano Aparecido Marques - PP (3,09%): 283 votos (reeleito)

Fagner Vinicius Bussi da Silva - PTB (5,21%): 476 votos (reeleito)

Márcio José da Silva Porto - PSDB (3,49%): 319 votos (eleito)

Mariana Marques Valentim - PP (2,24%): 205 votos (eleito)

Maurilei Gonçalves de Farias “Galo” - PP (2,35%): 215 votos (eleito)

William Viana da Silva - PSD (2,53%): 231 votos (eleito)

Vinícius Bussi eleito presidente da Câmara para o biênio 2021/2022  (Reprodução).

Segundo o presidente Vinícius Bussi, a primeira sessão ordinária da nova legislatura está prevista para ocorrer dia 18 de fevereiro. Atualmente, o Poder Legislativo está em recesso, e poderá, eventualmente, ser convocado para realização de sessão extraordinária.  

Publicidade

Instagram